terça-feira, 16 de novembro de 2010



Algumas pessoas entram em nossas vidas de maneira tão intensa que nem ao menos nos vemos mais sem elas. Tornam-se parte de nós, da nossa realidade e de nossos sonhos. Conquistam nossa confiança, nos escutam chorar por um amor não correspondido por horas e riem conosco quando recebem uma ligação esperada ou apenas comentam coisas bobas.
Tornam-se únicos. Essas pessoas são os nossos portos-seguros, aquelas em quem nos apoiamos quando o nosso mundo parece desabar aquelas que nos abraçam e dizem que vai ficar tudo bem. São pessoas que riem e choram com você, que você tem como irmão, como aquela pessoa que você se recusa a perder. Pessoas que conquistam a sua amizade, a sua confiança e o seu carinho.
Costumamos chamá-los de amigos, eu prefiro chamar de anjos. Pois a única missão deles é nos proteger, fazer com que nossas vidas tenham um brilho a mais e que cada sorriso possa fazer valer a pena.

Afinal, amigos são anjos sem asas *-*


definições do amor, por idade




Ela estava deitada, olhando o céu e respirando com calma. Sentia o vento frio da noite a envolver e o barulho das pessoas parecia longe. Seus cabelos escuros a contornava de maneira suave e seu vestido rendado balançava de maneira leve com cada brisa que ali passava. Seus olhos cor de mel pareciam fixos e sua boca pequena e rosada continuava imóvel. A música continuava a tocar em seus fones de ouvidos e era a única coisa em que ainda prestava atenção.
Observava o céu, olhando o brilho intenso da lua e todas as estrelas a sua volta. Sentia-se de alguma maneira calma ao fazer isso, percebia quão linda a lua era e como havia perdido tal espetáculo tantas vezes.
Algumas vezes fechava os olhos desejando que as estrelas realizassem seus pedidos e sorria por sentir-se boba ao acreditar em desejos embaixo de noites enluaradas.
Adormeceu. Um sono calmo e profundo e sonhou de maneira doce com um mundo melhor e com a beleza que por tanto tempo presenciou. A música continuava a tocar e embalava seu sono de maneira suave.
Era apenas mais uma garota, cheia de sonhos, cheia de expectativas, ao qual a noite acolheu e as estrelas atenderam. 



Quando eu era criança, sempre tentei entender o porquê você tinha feito aquilo comigo, afinal, eu era de fato apenas uma criança, nunca havia lhe causado nenhum mal. Nunca ao menos tive uma chance para que pudesse me conhecer, você nunca me deu uma.
Fiquei anos e mais anos querendo saber o que eu fiz para você me deixar, e porque você tinha negado o seu amor para mim, justo eu que tanto precisava dele. Cresci tendo que explicar aos meus colegas porque não era você que ia as minhas reuniões ou brincadeiras do seu dia. E como de praxe, nunca tinha palavras para explicar o porquê de tudo isso.
Quando eu finalmente resolvi não mexer, mas nessa historia e esquecer tudo de vez, você simplesmente reapareceu na minha vida tentando fazer as coisas darem certo, se empenhando, ou ao menos fingindo bem que fazia isso, para que de alguma forma tudo voltasse ao que seria normal. Não vou dizer que de alguma forma isso nos reaproximou um pouco, mas seria hipócrita da minha parte dizer que funcionou totalmente.
Toda vez que venho ao seu encontro, toda vez que vejo o mundo que o cerca a única coisa que vem a minha cabeça é o porquê você não conseguia fazer o mesmo que faz com eles, por mim. O que eu tinha de tão errado?
Acho que por isso eu não consigo me entregar inteiramente a seu novo mundo, me abrir totalmente a você. Não o culpo por ter sido imaturo, mas isso não significa que eu o entenda. Como eu disse, eu era apenas uma criança que precisava de você.
E mesmo depois de tanto tempo, essa duvida ainda me persegue e quem sabe um dia eu não lhe pergunte diretamente ou ao menos consiga falar sobre isso sem derramar uma lagrima, por enquanto em limito a sorrir e fingir que tudo esta bem, mesmo sabendo que meu mundo desmorona, quando vejo que não fiz parte do seu.


Com o passar do tempo fui obrigada a conviver e aceitar uma realidade que sempre me incomodou muito: as pessoas mudam pelos motivos errados.
Não digo que a mudança seja algo ruim, pelo contrario, acho que mudar te ajuda a crescer e enxergar as coisas e o mundo ao seu redor com um novo olhar e uma nova perspectiva. Na verdade o que me incomoda nisso tudo, são as pessoas que insistem em mudar não porque estão crescendo e amadurecendo, mas sim para poder se adaptar a certo grupo ou local. Pessoas que mudam não por elas, mas pelos outros.
Com o tempo a gente acaba aprendendo que por mais que haja interferências dos outros em nossas vidas, somos nós quem as vive. Mudar é natural, mas só é bom quando acontece porque você quer evoluir. Mudanças por pressão não vão te fazer mais legal ou mais aceito, vão apenas fazer você entrar em uma realidade que você nem ao menos pertence, com um sorriso falso no rosto, para agradar pessoas que não se importam.
Quem realmente te ama e se preocupa vai sempre procurar aceitar quem você é, do jeito que é. Ninguém que queira que você mude merece isso. E talvez essa realidade te incomode, mas com o passar dos anos você vai acabar aceitando que essa é a verdade e vendo quanto tempo você perdeu tentando agradar pessoas que nem ao menos queriam isso.
Nunca mude quem você é para agradar os outros, porque no final, ninguém muda para te agradar.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010



  • Ele: você me ama?
  • Ela: sim
  • Ele: Então grita pra todo mundo ouvir.
  • Ela: (sussurro) Eu te amo.
  • Ele: Porque você sussurou?
  • Ela: Porque você é meu Mundo.

*-*



Quer sofrer? Ame pra caralho. Quer chorar? Apaixone-se pra caralho. Quer ser feliz? Mande tudo isso pra puta que pariu.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010




Às vezes devemos apenas aceitar o futuro que nos persegue e ao qual tanto tentamos fugir. Abraçar a pessoa que mais amamos e deixá-la ir para que possa encontrar de alguma maneira a sua própria felicidade.
Talvez seguir em frente nem sempre seja a opção mais fácil, mas sempre será a mais correta; pois não importa quem somos e o que queremos, precisamos sempre seguir nossas vidas sem nos prender a um passado que já não volta mais.
Alguns amores precisam de tempo para aprender que nem sempre um sentimento mantém um relacionamento, às vezes amizades que se mostravam tão fortes e profundas se esvaem de maneira inesperada e nos deixam sem chão, e mesmo depois que tudo volta à normalidade, nos faz falta de maneira inimaginável e pessoas que nunca imaginamos que nos ajudaria são as que ficam ao seu lado te apoiando quando você mais precisa.
Aceitar o que esta a vir e nos manter firmes em nosso caminho às vezes da medo e acaba assustando de maneira tão profunda, que nos faz parar por algum tempo e tentar desviar de alguma maneira. Mas é da natureza humana superar obstáculos, e seguimos em frente em busca de novos desafios.
E quando achamos que a vida já nos mostrou de tudo e nos pregou todas as peças possíveis, ela vem e mostra que ainda há muito para se viver. E aprendemos que podemos nos superar a cada dia mais, deixando o passado finalmente de lado e se jogando de maneira sem volta em um futuro que ainda tem muito a nos oferecer.



































É da natureza humana ser livre, e não importe por quanto tempo você tente ser boazinha, é impossível esconder uma garota má. – Gossip Girl.

Ela sentia o seu corpo pressionado contra o dele e o perfume dele preencher de forma tão doce e ao mesmo tempo quase bruta os seus poros. Sentia suas respirações ofegantes quase em sintonia e um olhar que nunca tinha visto. Com uma mistura de carinho e ao mesmo tempo desejo e malicia.
Ouvia tudo o que lhe era dito ao pé do ouvido e sentia em sua pele o arrepio do toque das mãos dele, sempre tão firme e preciso. Transpirava e sentia os lençóis envolver seus corpos como se fosse um. Esperavam por aquela noite a muito tempo e aquele sentimento de quem ansiou por aquela noite por tantos meses que se passaram parecia colocar um sabor a mais na noite.
Seu cabelo jogado e a forma como a olhava, a fazia se sentir que aquele momento seria sim eterno e que aquela noite seria a primeira de muitas. A lua lá fora colocava no quarto um brilho diferente, mas que mesmo com tanta beleza, não era reparado pelos dois.
Pareciam estar em uma sincronia perfeita, descobrindo no corpo um do outro cada detalhe que poderiam explorar e deixando que os sentimentos que ali estavam conduzissem a noite.
Acordaram no dia seguinte com a luz do sol invadindo o quarto e com os corpos entrelaçados de maneira suave e ao mesmo tempo sensual. O brilho do dia os chamava, mas sabiam que era a luz da noite que eles esperavam. Beijaram-se e acordaram para o dia, deixando a noite passada como uma lembrança que sempre mereceria um flash back. ;)

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Prometo te fazer juras de amor todas as noites e observar as estrelas e seu brilho sentindo apenas o calor que sai do seu corpo. Prometo te dar meus melhores sorrisos e meus beijos mais profundos com uma intensidade nunca antes vista. Prometo dedicar-me cada dia que passar em ser a causa da sua felicidade e a tranqüilidade do seu espírito.
Colocarei-me ao seu lado com alegria e lhe direi palavras de apoio a cada obstáculo que passar, pois passaremos juntos. Abraçarei-te e sentirei que é ao seu abraço que pertenço e que a sua respiração calma ao meu ouvido é a única coisa que eu preciso para ter paz.
Saberei a cada dia que passar que fomos feitos um para o outro e que se eu não for feliz contigo, não serei com mais ninguém. Sentirei a sua transpiração nas noites quentes de verão e serei o corpo que te aquece nas noites frias de inverno. Seremos um e viveremos em plena sintonia.
E a única coisa que eu preciso a única coisa que lhe peço em troca é que me ame como nunca amou antes e que me tenha com carinho.
E eu sei que seremos felizes com a plenitude do nosso relacionamento, pois é assim que está escrito e é assim que tem que ser. 

Sempre esperei por um príncipe encantado, alguém que me levaria daqui para um castelo só nosso e que tornaria todos os meus sonhos realidade. Sonhava com um mundo melhor em que viveríamos apenas nós e o nosso amor, aonde a nossa felicidade transbordasse e os nossos olhares e sorrisos seriam sempre acompanhados de uma promessa verdadeira de amor.
Depois de alguns corações partidos e amores eternos que acabavam em menos de uma semana, percebi que príncipes simplesmente não existem e que a nossa felicidade somos nós que construímos.
Não posso negar que por algum tempo ainda fui atrás dessa vida de fantasias, esperando por príncipes em seus lindos cavalos brancos, mas sempre que a realidade me puxava de volta, eu voltava a procura pela minha felicidade em meu mundo real, com pessoas de verdades e sentimentos de verdade.
Percebi que desde pequenas somos instruídas a esperar por alguém para podermos ser feliz. Que nos fazem acreditar que não conseguimos ser felizes sozinhas e que apenas um príncipe pode completar as nossas vidas. E me dei conta de que a realidade esta muito longe disso.
Não precisamos amar a outros para podermos encontrar a felicidade. Precisamos nos amar, acima de tudo e todos e quando conseguirmos encontra esse amor, o amor-próprio, poderemos finalmente encontrar a nossa felicidade e amar de verdade alguém ou não.
Mas temos antes que nos dar conta de que a única pessoa que precisamos é de nós mesmos e mais ninguém. Pois somos únicos, somo completos, somo especiais e precisamos apenas de um empurrãozinho para saber disso.
E quem escreve os felizes para sempre somos nós. Podemos ser princesas e não precisamos de nenhum príncipe pra isso. 

welcome