sexta-feira, 28 de maio de 2010


quando eu era criança acreditava em fadas, príncipes e princesas, acreditava que tudo o que eu quisesse eu ia ter, que se o meu dentinho caísse a fadinha ia pegar. eu sonhava em crescer, sonhava em ir para um mundo cor de rosa com pessoas legais e balas em todos os lugares.
quando eu era menor eu queria ser veterinária, advogada, médica, eu queria o mundo, eu queria um amor perfeito, eu tinha medo de escuro e não aguentava mais o meu dodói no joelho. eu sonhava todas as noites, eu ria todos os dias
e então eu cresci e eu parei de acreditar e comecei a aprender.
eu aprendi que fadas e histórias de amores perfeitos simplesmente não existem, que para eu ter eu tenho que correr atras antes, aprendi que crescer nem sempre é bom e que mundo rosa com pessoas legais e balas não existem.
aprendi que eu não posso ser tudo mas que eu posso ser eu mesma e ser feliz assim, aprendi que o escuro não traz nada tão ruim que a claridade não traga também e que um dodói no joelho dói bem menos do que um coração partido, aprendi que sonhar é algo bom que não acontece sempre e que deve ser realizado e dado o devido valor ao seu sonhos e que sorrisos precisam ser sempre sinceros.
eu aprendi que o meu mundo sou eu quem faço e que só vale a pena manter nele quem realmente vai estar sempre ao meu lado.
aprendi a escrever a minha história do meu jeito, comecei ela e eu sei que o meu final pode não ser perfeito mas vai ser meu, do meu jeito e o sorriso que eu vou ter ao terminar tudo isso ninguém tira

Nenhum comentário:

Postar um comentário